Dança do Ventre e as couraças musculares

Dança do Ventre e as couraças musculares

Durante os Cursos de Yoni Eggs, nossas participantes fazem aula de Dança do Ventre para consciência e fortalecimento da musculatura pélvica, bem como para o afrouxamento das couraças musculares.
.
Segundo Reich (1897/1957), desenvolvemos couraças musculares que afetam nossos comportamentos e emoções, e vice-versa. Para Reich, trata-se de um tipo de proteção contra estímulos externos, ao mesmo tempo em que essa formação controla e consome a nossa energia vital e libidinal e sádica. É uma espécie de resistência física (e claro, psíquica), uma defesa crônica que sente o prazer e os estímulos como ameaças ao seu equilíbrio.
.
Vamos falar apenas de uma das couraças, a abdominal e pélvica, que influencia diretamente no sexo, nos genitais, na capacidade de sentir os prazeres da vida e na energia vital, que é o máximo do sentir com a vida. Engloba genitais, assoalho pélvico, cintura, músculos da bacia, internos das coxas e membros inferiores.

Vários fatores podem contribuir para a formação desta couraça: processo gestacional, educação repressora, violências, etc.
Como consequência, temos medo de sentir prazer, do julgamento, excessiva adequação ao meio, bloqueios da sexualidade e disfunções sexuais e prejuízos na maior fonte de criatividade do indivíduo.
O desprazer, que pode ter começado no intrauterino, vem para fora e também vem de dentro (intrapsíquico).
.
Os trabalhos com Dança do Ventre e Danças Pélvicas colaboram muito para o afrouxamento da couraça abdominal, e as outras couraças também sentem. Soltá-la dançando é uma forma divertida e segura de acelerar o processo com as Yoni Eggs, que também estão fazendo esse trabalho com a sexualidade e a energia criativa. Uma combinação assertiva e muito, muito prazerosa.

O resultado imediato do afrouxamento dessa couraça é a possibilidade de resolver conflitos da infância, liberar castrações, liberar afetos, a energia sexual e criativa, viver de forma mais feliz e prazerosa.
.
Sensualidade, prazer e orgasmo fazem parte da nossa vida saudável.
.
Solta essa raba, meu bem!
.
Aysha Almeé
❤️
Foto do Retiro Poderes do Feminino presencial, Julho/2018

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.